Deus realmente descansou no sétimo dia?


A resposta pra pergunta acima é SIM. Mas se isso te confunde um pouco, fique descansado e venha explorar um pouco mais esse assunto comigo:


O que você vai ler nas próximas linhas, talvez irá confrontar o que você sabe, mas apenas através deste confronto, você pode crescer espiritualmente.
Vamos primeiro, a conhecida passagem, que se encontra em Gênesis, capítulo 2, versículos 2 e 3:
“E, havendo Deus acabado no dia sétimo a sua obra, que tinha feito, descansou no sétimo de toda a sua obra, que tinha feito.
E abençoou Deus o dia sétimo, e o santificou; porque nele descansou de toda a sua obra, que Deus criara e fizera.”

                 - Veja bem, o primeiro passo a observarmos, é que DEUS TRABALHOU NO SÉTIMO DIA, Ele terminou a sua obra no sétimo dia, e não no sexto (havendo Deus acabado no dia sétimo), fica claro aqui, que Deus fez a sua obra no sétimo dia, portanto, esse é um primeiro fato a ser observado.
                 - O segundo ponto a estudarmos, é a palavra descansou, vamos para isso, dar um pulo ao livro de 2Crônicas, capítulo 32, versículo 8:
Com ele está o braço de carne, mas conosco o SENHOR nosso Deus, para nos ajudar, e para guerrear por nós. E o povo descansou nas palavras de Ezequias, rei de Judá.
O povo descansou nas palavras de Ezequias, eles se tranquilizaram, eu disse no começo do post, para você ficar descansado (despreocupado), o mesmo fez Deus ao sétimo dia. Irmãos, QUE DEUS ONIPOTENTE É ESSE QUE PRECISARIA DEITAR EM UMA REDE, DEPOIS DE TRABALHAR SEIS DIAS? ONDE ESTÁ A ONIPOTÊNCIA?
Deus não dormiu, nem se deitou ao sétimo dia, Ele se tranquilizou, esse é um ponto importantíssimo, normalmente muito mal interpretado em muitas igrejas.

Porque descansou? Porque Ele santificou. Outro ponto importante é entendermos a diferença da palavra santidade, para a palavra santo.
- Santo, está ligado a conduta.
- Santidade, equivale a santificação. Isso é equivalente a OFERTA.
DEUS DEU OFERTA NO SÁBADO, ELE SANTIFICOU NO SÁBADO, ESSA OFERTA É JESUS. Leia Mateus, no capítulo 12, ou Marcos , capítulo 2:23-28, ou ainda Lucas, capítulo 6:1-5, para você ver que Ele é o Senhor do sábado. Jesus foi ofertado por Deus no sábado.
Deus, pelo seu infinito poder, preparou o cordeiro imaculado para podermos ser salvos. Essa foi a oferta dEle.

Assim,  fica PROVADO que Deus trabalhou no sétimo dia, despreocupou-se no sétimo dia e ofertou no sétimo dia.

Sendo assim, o sábado é um dia comum?
De maneira nenhuma, o sábado é sim um dia especial, o qual devemos respeitá-lo segundo os  vários mandamentos de Jesus, mandamentos esses, que nem cabe a mim citar nesse post, mas leia algum evangelho, e você verá o que Jesus nos manda fazer no sábado.

Escrevi esse post, sem a intenção de ofender alguém, queria ressaltar que comecei meus passos no cristianismo em um igreja que guarda o sábado. Creio que, quem guarda o sábado, não peca. Mas não é um mandamento bíblico.

A bíblia diz:
"Mas aquele que tem dúvidas, se come está condenado, porque não come por fé; e tudo o que não é de fé é pecado."
Romanos 14:23
Assim, cada qual faça segundo o seu entendimento

Se desrespeitei alguém com esse post, peço perdão, pois não foi a minha intenção, se tiver algo a acrescentar, comente com educação, e poderemos sempre trocar informações, abraço a todos.

Paulo Sérgio da Cruz

8 comentários:

Muito bom seu post! Nós os cristãos anabatistas também entendemos que o sábado é o DIA DO SENHOR, porém, não o vemos como um dia para ser guardado legalmente (como observamos em alguns grupos evangélicos), mas sim como um dia a ser reconhecido como o Sábado do Senhor!Todo trabalho a ser realizado neste dia tem que ser para dar frutos ao Reino de Deus (notamos isso nas palavras de Jesus)!

Visite nosso blog: cristãosanabatistas@blogspot.Neste blog temos postado algo sobre o sábado cristão!
Um abraço

Eu agradeço. A verdade sobre a doutrina bíblica tem que ser revelada.

Interessante como você fala em "fica provado", como se apenas relatar a bíblia provasse alguma coisa.

estou satisfeito com a explicação;A Paz do Senhor Jesus Cristo seja com o irmão

Bíblia é Bíblia, doutrina é doutrina. Vai estudar hebraico e aramaico e pare de especular esse tipo de coisa.

O sentido principal da palavra que ai é geralmente traduzida por "descansar" em hebraico é "cessar,"através do hebraico, é possível mentalizar o modo como os hebreus enxergavam seu mundo, seus valores e seus sentimentos, e através de análises sociológicas de textos do antigo Oriente Próximo podemos criar paralelos reconhecíveis para uma análise sensata. Alguns teólogos medíocres tentam se apoderar cegamente dos textos bíblicos e distorcem as suas palavras para caberem em sua doutrina, que é objetiva e de um tempo posterior, a questão é mais complexa do que esses teólogos maximalistas tentam fazer parecer.

vs estao se esquecendo que a dispensaçao da graça começou no dia do pentecoste, portanto tudo antes disto e a dispensaçao da lei,que foi dada aos judeus atraves de moises.

Ore, peça orientação de Deus e estude mais, procure ler todo os textos por completo, só o contexto não define nada, com outro contexto....Deus deixou a Bíblia como um todo e não por partes....

Postar um comentário

Dê sua opnião sempre com respeito